GESTÃO CULTURAL

Lourdinha Luna

Crônica de Lourdes Luna
Publicado no jornal Correio da Paraíba, 23 de abril de 2012.


Lourdinha Luna

     O Ministério da Cultura, Fundação Joaquim Nabuco, Universidade Federal Rural de Pernambuco, em parceria com as Secretarias Estaduais de Cultura do Nordeste, instituíram Cursos de Gestão Cultural, destinados a alunos selecionados, para receberem ensinamentos históricos, sociais, políticos, jurídicos e gerenciais.
       Integra a relação, dos Estados que abrigarão o encontro, pela ordem geográfica decrescente, Bahia, Sergipe, Alagoas, Pernambuco, Paraíba, Ceará. Rio Grande do Norte e Piauí.
      A especialização tem caráter itinerante e constará de 9 módulos distribuídos entre as circunscrições administrativas responsáveis pelo êxito do projeto. As reuniões acontecerão nas capitais, e os freqüentadores terão uma semana de estudos, em que será revisto o programa específico, elaborado para a seqüência das aulas.
       O corpo docente é formado por catedráticos e pesquisadores do país, o que garante uma abordagem com reflexões sobre as transformações das práticas gerenciais da cultura na zona regional nordestina.   
       A proposta metodológica que é a arte de investigar a verdade esboçada nos métodos é aberta e capaz de traduzir as realidades socioculturais do Nordeste.
       Integra o grupo dos mestres, entre outros, o doutor Paulo Miguez, da UFBa. Os professores Isaura Botelho, Consultora de Políticas Públicas e José Márcio Barros, Coordenador do Observatório da Diversidade Cultural e educador da Universidade Católica de Minas Gerais.
.   Coube a cada Estado apresentar 5 candidatos. A Paraíba pela UFPB indicou Torquato Joel; a SECULT/PB Vilma Cazé e Rayan Lins. O Ponto de Cultura PB mandou para o conclave Crisólito Marques e Ana Clara Maia que preencheu, com os colegas, todos os requisitos exigidos para assegurar as presenças dos candidatos nessa Assembléia.
        O local escolhido para o curso, em João Pessoa, foi a Fundação Casa de José Américo, o que deve ter legado muita alegria ao patrono da Instituição, saber que  a menina Ana Clara, filha do condestável de Areia, José Henrique,  é co-fundadora da Academia de Letras de Areia, inteligente, culta e com um currículo venerável. Para maior brilhantismo do congresso de Gestão Cultural, Ana Clara expos no evento fotos de nossa amada Areia, nos seus “antigamentes” que fez sucesso no blog de Fábio Mozart.

Lourdinha Luna é membro da Academia de Letras de Areia e da AFLA.

Postagens mais visitadas